HISTÓRICO DO MUNICÍPIO DE MOIPORÁ

O Município de Moiporá teve sua origem com a imigração de famílias inteiras, a maioria proveniente do estado de Minas Gerais, da Bahia e da região de Morrinhos, em incursões pelo sertã goiano em busca de minérios e licalização de terras cultiváveis.
Os primeiros, a se instalarem na região, foram: Joaquim Cabó, de origem desconhecida, "os Machado" e a famía de Florentino Rosa, em 1919, liderados por Tiburcio Machado. Em 1929, chegava o senhor "Sebastião Moreira da Silva", com seus familiares: filhos e genros, oriundo de Moitu (hoje conhecida como Cachoeira de Goiás), cujos pais também vieram de Minas Gerais. Depois vieram José Marcelino, e seus familiares que povoou a região e ajudou a construir a sua história doando parte do terreno para a construção do povoado.
Com a chegada da família do senhor Alfredo Pereira Dias, (o Alfredão), como ficou muito conhecido, foi que o lugar começou a tomar ares de povoado, ao se instalar próximo às margens do córrego do Cobó, juntamente com as famílias que o acompanharam desde Iraí, em Minas Gerais. Pela lei nú 173 publicada no Diário Oficial do Estado de Goiás de 08/10/1948. O Distrito de Santa Luzia se desmembrou do município de Paraúna, devido ao crescimento econômico e populacional daquele distrito, que passou a denominar-se Aurilândia. Dentro da área desmembrada, encontrava-se o povoado de Cobó, que passou a fazer parte deste novo município, com o nome de Distrito de Moiporá.
Dez (10) anos depois, por força da lei número 2.136 de 14 de Novembro de 1958, publicada no Diário Oficial do Estado de Goiás em 27 de Dezembro de 1958, criava-se o município de Moiporá, desmembrado do município de Aurilândia.
Para administrar o município em caráter interino, foi nomeado pelo então governador de Goiás, Dr. José Feliciano Ferreira, em 1º de Janeiro de 1959, para um mandato de dois anos, (1959/1960), o senhor João Batista Lopes, conceituado farmacêutico de origem paulista e de boa oratória, que foi confirmado pelo ofício 02/09 de Março de 1959, enviado pelo chefe do Gabinete Civil do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás, ao então prefeito deste município. A partir de Setembro do mesmo ano, o decreto número 01 e 02, datados de 12 de Setembro de 1959, que exoneravam e nomeavam secretários de administração respectivamente, aparecem assinados por Sebasti&atide;o Moreira da Silva, (o neto), levando a crer que este assumiria a prefeitura a partir deste período.
A primeira mesa diretora da câmara de vereadores de Moiporá ficou assim constituída:
Presidente: Manoel Barbosa de Araújo
Vice-presidente: Valdivino Silva Santos
1º secretário: Lázaro Soares de Aquino
2º secretário: Geraldino dos Santos
Membros: Sebastião Moreira da Silva (o Neto)
Lizandro Domingos Ferreira e
Manoel Alves dos Santos.

Os prefeitos eleitos até o momento foram:
• Livingstone Marcelino Bernardes: 1961 – 1964
• Livertino Francisco Diniz: 1965 – 1968
• Ari Vicente de Moura: 1969 – Desistiu do mandato por motivos pessoais, tendo assumido o vice, Herculano Alves da Silva que governou até 1972,
• Vilmar Alves dos Santos: 1973 – 1977
• Herculano Alves da Silva: 1978 – 1981
• Vilmar Alves dos Santos: 1982 – 1985
• Vilmar Alves dos Santos: 1986 – 1988
• José Pereira da Costa: 1989 – 1992
• Wilson José Ferreira: 1993 – 1996
• José Pereira da Costa: 1997 – 2000
• Ricardo Alves Ferreira: 2001 – 2004
• Ricardo Alves Ferreira: 2005 – 2008
• Onilto Soares Ribeiro 2009 – 2012
• Nilson Rodrigues da Silva: 2013 – 2016
• Volnei Moreira da Silva: 2017 – 2020

Fonte: Secretaria Municipal de Educação